Bem-vindo!!!!!!

Adoooooooooooro os comentarios (mesmo que normalmente sejam so de 2 ou 3 pessoas que eu amo muuuuuuuuuuito), rsrsrs!!!!!!!!!

quarta-feira, 5 de janeiro de 2011

Capodanno!

Meu primeiro Reveillon na Italia foi trabalhando no restaurante "Radicchio Rosso". Como eu ja trabalhava no restaurante nao recebi nem 1 euro a mais pelo serviço. Eu gostava muito de trabalhar como garçonete, mas essa é a parte ruim, vc nao tem sabado, domingo e muito menos feriado, pelo contrario, sao nesses dias que se trabalha dobrado! Me lembro que a meia noite quando vi todos se abraçando, me perguntei pela milionesima vez "o que eu estou fazendo aqui?". Senti todo o vazio de nao ter familia nem amigos perto de mim em um momento que sempre considerei muito importante. Maridao também passou trabalhando de segurança em uma boate.

No segundo ano, também trabalhei em um restaurante, mas como eu nao era funcionaria, fui chamada e retribuida pelo serviço. No dia eu estava meio mal, com dor de garganta e febre, mas nao poderia deixar minha amiga na mao, tomei um analgesico e a meia noite a febre voltou, botei outro para dentro e pouco depois da virada começou a neve! Fui dirigindo para casa a 20 km/h e aproveitando aquela paisagem linda e silenciosa. Esse ano ja foi um pouco melhor, eu conhcia as pessoas do restaurante que sao brasileiros e ja me senti um pouco melhor, tirando a febre claro. Maridao de novo trabalhou em alguma boate.

Ja no terceiro ano resolvemos passar o Reveillon juntos e fomos na casa do Beto e da Lu. Foi tudo muito otimo e o fato de passar a virada com brasileiros diminui bastante a distancia com o Brasil. Mas Ano novo com frio e vestidos até as cabeças nao combina nem um pouco. Nos divertimos bastante, mas.....faltava a praia, os fogos, a bebedeira até de manha....

Esse ano fui com minha mae e meu pai por tabela (namorido da minha mae ha mais de 15 anos) para a casa de amigos em Vila Velha. Chegando no lugar, passamos na praia, molhamos os pés e fizemos uma oraçao. Depois subimos no apartamento e a festa começou, bem ao estilo brasileiro de viver! Muita comida, muita cerveja e a meia noite muitos muitos e muitos fogos de artificio! A atmosfera que tem um Reveillon a beira-mar é incrivel e maravilhosa, dificil até de explicar. Achei otimo passar ao lado da minha mae e com amigos tao legais, mas faltava meu marido. Esse negocio de viajar sem ele nao é muito legal nao.... Mas ta bom, estou curtindo muito minha familia e era isso que eu sentia muita falta!

Vou deixar para postar as fotos quando chegar na Italia, porque o computador da minha mae consegue ser ainda pior que o nosso, se é que isso é possivel!

Beijos e um otimo 2011 a todos!!!!

4 comentários:

Larissa disse...

MADM, nada como uma virada de Ano ao lado de pessoas amadas né... esse ano vc iniciou com o pé direito aqui no Brasa... recuperando as energias para voltar pra Itália... É isso aí, aproveitar cada momento ao lado da mãe é super importante, pois passa muito rápido e mais um ano sem voltar aqui... humpft!!!
Adorei o japonês de ontem... quero as fotos!!!
Bjo bjo

Lalá e Davi disse...

MADM,
Está precisando atualizar isso aqui hein!!!
Tem selinho pra vc lá no blog!
Bjo bjo

PugliaBrasil disse...

O que vc achou do reveillon na Italia. Diferente né? Eu que tava acostumado com o reveillon do Rio. Gostei do nome do blog...

prazer
Alex

http://pugliabrasil.blogspot.com/

Verônica disse...

Olá,

Bem legal a historia de suas viradas de ano, com certeza é mais difícil passar sozinha e ainda por cima trabalhando se ganhar mais por isso.
Mais agora você recuperou o tempo perdido com certeza.
E as fotos?

Abraços,
Verônica.